A LEI SECA, SECOU?

A polícia jura que há blitz suficiente.

A televisão em busca de audiência sempre, notifica o aumento de casos de acidentes envolvendo motoristas embriagados.

 Os DETRAN nacional afirmam que cassa a CNH dos motoristas infratores.

A justiça afirma que pune o motoristas-terror.

Mas diante de todas essas afirmações só cresce alarmantemente o número de acidente envolvendo ébrios ao volante.

Mas será que é tudo isso verdade?

Há mesmo blitzen suficientes? Creio que sim, pois os estados e municípios adoram faturar para seus cofres.

Os órgãos de transito cassam mesmo a CNH dos motoristas infratores? Creio que não, pois, nesse caso, onde estavam as autoridades que não viram o caso do jogador Edmundo que ultrapassou em muito o limite de infrações permitidas? Não é só o Edmundo. Como esse há muitos casos de anônimos e outros famosos.

A justiça realmente pune os infratores? Tenho sérias dúvidas. Não que nossos juízes sejam incompetentes. Eles não o são. São até bem preparados. Mas com tanta brecha na lei e a morosidade do processo judiciário os casos ficam mofando nas prateleiras (pasmem ainda existem prateleiras nos fóruns de nosso país) dos fóruns.

Por que cresceu o caso de acidentes envolvendo motoristas ébrios inclusive com o aumento de mortes? Por que no início a lei seca diminui consideravelmente o índice de acidentes nas estradas?

Minha resposta se encontra exatamente na pergunta. No Brasil as coisas só funcionam bem quando é novidade. No começo as autoridades levam a sério, punem, vigiam, administram tudo com grande entusiasmo. Depois que o tempo passa a mídia não está mais em cima cobrando, aí todos relaxam, afrouxam.

Há mais uma resposta para isso. No Brasil existe uma lei que pega muito bem. É a terrível lei da impunidade. A lei suprema da impunidade somada à falta de entusiasmo dos dias depois da criação de uma lei enfraquece qualquer boa lei que se crie.

 O que fazer? Eu sugiro bater todo dia na porta de nossos senadores. Para que eles fiquem acordados, para que fiquem sempre entusiasmados para que se preocupem em fazer valer as leis que criaram. Escreva para eles através de e-mails. É grátis. É fácil.

Ora um provérbio antigo que consta da Bíblia Sagrada diz: Na multidão do povo está a glória do rei, mas na falta de povo a ruína do príncipe (Provérbios 14:28).

Quando nosso povo aprender a cobrar devidamente de nossas autoridades aprenderão a nos respeitar devidamente fazendo valer as leis.

Outros blogs do Pastor Luiz Flor:

 www.pulpito.blog.terra.com.br

www.poesiadegraca.blogspot.com

Published in: on abril 24, 2009 at 12:25 am  Deixe um comentário  

The URI to TrackBack this entry is: https://luizflor.wordpress.com/2009/04/24/a-lei-seca-secou/trackback/

RSS feed for comments on this post.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: