O I.P.I BAIXOU O Q.I AUMENTOU

Olá amigos que têm me dado a grande alegria de lerem minhas matérias. Eu gostaria de dessa vez pedir a importante ajuda de vocês. Ajudem-me, por favor a raciocinar. Ou melhor, me ajudem a saber se estou são das faculdades mentais. O caso deve-se ao seguinte. Tenho ouvido ser notícia em rádio, televisão, jornais e internet que o Imposto sobre Produtos Industrializados baixou. É o tal de I.P.I. Baixou para material de construção e para carros novos.

Depois dessa notícia, amigos as concessionárias ficaram cheias de pessoas querendo comprar seu carro zerinho, zerinho até nem se importando de ficar na fila esperando a produção de seu tão sonhado zerinho. Os depósitos de material de construção estão cheios de pequenos construtores. Aquele que já faz algum tempo começou um puxadinho e não pode ainda terminar por falta de verba. A reforma do quarto da filha, a instalação da pia. Enfim, aquele que vai reformando aos poucos o maior patrimônio de um brasileiro pobre, sua casa.

Meus amigos, a notícia de baixa de imposto por si só já traz uma grande alegria. Ainda mais quando a gente corre para conferir e vê que é verdade. É isso mesmo. Porque no caso dos combustíveis a televisão e a mídia em geral diz que vai baixar e você vai abastecer o carro e os preços são os mesmos desorbitantes de antes da notícia.

Tudo o que nós compramos ou consumismo como energia, telefone, arroz, feijão já traz embutido em metade de seu preço o valioso “faz-me rir” de que tanto o governo gosta. São taxas tão altas que muitos de nós passa o dia brigando com o menino para não deixar a luz acessa o tempo todo. Para não pôr comida demais no prato, pra usar o celular com moderação. Eu sei que esses cuidados a gente deve ter em qualquer tempo, pois a economia de uma casa ou repartição para seu sucesso, depende da boa administração do que se tem. Mais o cuidado redobra diante de impostos tão caros.

Meus amigos, não pensem que sou contra imposto, não. Não sou tão maluco de achar que é só o governo ir lá na casa da moeda e imprimir milhões de cédulas de dinheiro e jogar no mercado. Não. Não pensem mal de mim. Eu acho que os impostos são um “mal necessário”.

O empresário diz que não emprega mais por causa das altas taxas sobre a folha de pagamento. Os sonegadores dizem que sonegam porque as taxas e quantidade de impostos são enormes. As pequenas empresas, coitadas, já começam atoladas. Mas, não vamos ser injustos. O governo criou o “simples” para facilitar a vida da pequena empresa. Eu não sei se melhorou, não, pois eu continuo pagando muito caro pelo que a pequena empresa produz. Aliás, a única semelhança entre pequena e empresa e mega empresa são os preços dos produtos. Diante de tanto imposto aumenta o índice de demissões e aumenta a taxa de empregos informais.

Os impostos custeiam a construção de hospitais, estradas, casas populares, iluminação, alimentação, os programas do governo para a baixa renda, etc. A construção de presídios. A contratação de pessoal, etc. Viram? Eu não sou tão oco, não. Eu sei para que imposto serve. Infelizmente o que não entendo é porque os hospitais estão tão sucateados, o alimento está tão caro, as estradas tão esburacadas e o pessoal para trabalhar tão escasso e tanta coisa se deixa por fazer alegando pouca verba se o imposto é tão caro.

Perdõem-me, amigos. Acho que estou divagando um pouco. Vamos voltar para o centro. Minha petição era para que vocês me ajudassem a entender uma dificuldade que venho tendo. Pois bem. Vamos lá.

Meus amigos, se o governo baixou o I.P.I e houve uma grande correria para compra de carro e reforma e construção de casas, aquecendo a economia, fazendo o dinheiro girar, a micro empresa crescer, a indústria produzir, os bancos faturarem, mais gente ser contratada para fazer carros e reformar e construir casas, enfim o país rodar no compasso da engrenagem sem pular um dente dela, por que o governo não diminui os impostos de uma vez? Não seria mais lucrativo para ele e para nós, os brasileiros pagadores de imposto?

Meus amigos, digam, por favor, eu estou ficando doido por pensar assim? Eu sei que entre os meus leitores há pessoas muitas vezes mais gabaritadas do que eu. Se eu estiver errado, por favor me digam por que estou quase queimando a única válvula que ainda há no meu cérebro. Vocês não vai deixar um amigo padecendo, vão?

Me digam amigos se a fórmula IMPOSTO BAIXO = A MAIS PRODUÇÃO = A MAIS PODER DE COMPRA = A MAIS EMPREGOS = POVO MAIS FELIZ está errada.

Certo de contar com bons amigos, fico no aguardo de ansiosa resposta.

CONHEÇA OS BLOGS DO PASTOR LUIZ FLOR:
http://www.pulpito.blog.terra.com.br
http://www.poesiadegraca.blogspot.com
http://www.luizflor.wordpress.com (Recanto da Alma)

QUER FALAR COMIGO SOBRE MEUS TEXTOS?
Luiz-flor@hotmail.com e Luiz-pastorflor@hotmail.com

Published in: on maio 3, 2009 at 11:15 am  Deixe um comentário  

The URI to TrackBack this entry is: https://luizflor.wordpress.com/2009/05/03/o-ipi-baixou-o-qi-aumentou/trackback/

RSS feed for comments on this post.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: